Fanfic 1

Primeiramente .

Eu não estou cometendo um plágio nem nada, seria plágio se eu copiasse sem dizer que é de outra pessoa.
Essa foi uma das melhores Histórias que eu já lí!

Eu simplesmente amei essa Fic, então vou compartilha-la com voçês!
Então, espero que Gostem também!




Jenna POV:

- Senhora Mallette? - O médico entrou na sala de espera do hospital chamando pela Pattie.
- Sim? - Ela levantou e foi em direção ao doutor. Estava naquela sala há quase 14 horas. As únicas coisas que ela fazia eram rezar, andar de um lado pro outro, chorar e beber água.
Os dois foram conversar no corredor, eu fiquei esperando na sala, apreensiva. Pattie voltou chorando, eu a abraçei.
- Senhorita Parker, venha aqui, por favor. - Deixei a minha segunda mãe abraçada com o Kenny e fui falar com o médico.
- Acho que  as notícias não são muito boas...
- Na verdade, vão de ma a pior. Ele sofreu lesões graves na perna, tem muitas marcas roxas nos braços, seu rosto está ralado e pior... Ele vai precisar de um transplante de coração.
- Co-co-co-co... Coração? - Gaguejei ao falar.
- Sim.  Mas sem o transplante ele não dura muito mais. Será que você poderia avisar ao restante dos acompanhantes? Acho que a senhora Mallette não está em condições de fazer isso. Obrigada. - Ele falou e saiu, me deixando com cara de tacho olhando o corredor branco daquele hospital. Ainda não conseguia acreditar. O meu Justin, o meu melhor amigo, o meu primeiro amor , estava internado, quase morrendo, e eu, inútil, não podia fazer nada pra ajudar. Entrei na sala e dei a notícia ao Kenny e ao Scooter, os únicos ali além de mim e da Tia Mallette. Selena ainda não havia chegado, estava dentro de um avião vindo pra cá. Ao contrário do que muitos acham, ela não é um vadiazinha que só quer a fama e o dinheiro do Biebs. Ela gosta dele mesmo.
Eu ainda não sei muito bem o que aconteceu, só sei que o Justin estava indo á minha casa (era meu aniversário, parabéns pra mim) e entre um cruzamento e outro, uma carreta acertou em cheio sua Range Rover, bem do lado do motorista. O socorro não demorou de chegar, ele estava numa das mais movimentadas avenidas de Atlanta.
Já haviam exatos 17 minutos e 34 segundos desde que o doutor me deu a notícia do transplante. E acreditem ou não, só consegui me tocar do que havia acontecido depois de um tempo. Começei a chorar. Chorei, chorei, chorei até não poder mais. Eu não iria suportar perder mais uma pessoa de extrema importância na minha vida. Primeiro, meu pai e meu irmão mais novo num acidente de carro, depois foi o meu primeiro namorado, também num acidente de carro e agora, o Bieber sofre um acidente de carro. Sinto que os carros me odeiam. Mas eu não ia deixar o Justin ir, eu não podia, eu não conseguia. Falei pro Scooter ir me buscar em casa dentro de uma hora, e lá fui eu. Passei numa farmácia e finalmente cheguei em casa. Escrevi uma carta, dediquei ao Justin. Era o fim. Tomei um remédio que havia comprado na farmácia a caminho de casa, fechei os olhos e entrei em coma. Num coma eterno.
Justin POV:
Abri os olhos lentamente, eu estava num quarto todo branco e minha mãe estava do meu lado, segurando minha mão. Seus olhos estavam inchados e vermelhos, sua expressão era de cansaço. Afinal, porque eu estava ali?
- Mãe... - Falei com um pouco de dificuldade.
- Justin, meu filho! Você acordou! - Um sorriso se abriu em seu rosto cansado. Ela saiu e chamou pelo doutor, que voltou dizendo que eu poderia sair dali dentro de alguns dias, afinal, eu tinha acabado de passar por um transplante de coração, não podia acordar e sair andando normalmente.
Kenny, Ryan, Scooter, Dan, Butler, Chris, Chaz, Caitlin, Selena, meu pai, a Jazmyn, o Jaxon, a Erin e o resto da equipe entraram no quarto fazendo festa, por mais que aquilo fosse proibido, nós estávamos num hospital. Afinal, porque eu estava num hospital?
- O que aconteceu? - Disse num fio de voz. Todos eles se olharam preocupados e minha mãe tirou um envelope verde da bolsa. Verde. Era a cor favorita da Jenna, meu primeiro, único e grande amor. Afinal, onde ela estaria numa hora dessas?
- No dia em que... A Jenna... Bom, encontramos essa carta em cima da cama dela.  Acho melhor você ler sozinho. - Minha mãe disse e todos se retiraram do quarto, deixando apenas flores, ursinhos de pelúcia, porta-retratos e uns balões coloridos. Mas afinal, porque ela estava nervosa? Aconteceu alguma coisa que eu não sei? Abri o envelope com o pouco de força que ainda havia me restado e começei a ler a carta com um pouco de dificuldade; Tinha a letra da Jenna, que segundo ela mesma parecia letra de gente do primário, e bom... Não deixava de falar a verdade.
"Justin, bom dia! Como vão as coisas com a Selena? Ela continua sendo a mãezona? E com o Chris? Ele continua com cara de ratinho? O Chaz continua alto? O Ryan ainda tem aqueles olhos azuis hipnotizantes? O Dan continua atormentando a noite de todos com seu violão? O Kenny continua comendo mais do que devia? E a Jazmyn e o Jaxon, fofos como sempre? O Scooter continua fugindo da dieta? A Pattie continua linda e anteciosa? O Jeremy continua fazendo tatuagens freneticamente? A Erin continua brigando com ele por causa disso? E você, como tá? Como é poder ver as cores de novo? Já se recuperou da cirurgia? Seu corpo ainda dói? Espero que não. E então, você sente minha falta? Olha, antes de tudo eu tenho uma confissão a fazer. Eu queria dizer que eu te amo. Eu sempre amei. Desde aquela primeira vez que eu te vi na porta do Avon Theatre tocando I'll Be. E eu amo quando você molha os lábios, eu amo quando você os morde, na tentativa fracassada de ser sexy. Eu amo o jeito como você trata suas fãs, amo o jeito descolado como você anda. Amo o jeito animal que você come pizza, amo o jeito que você se empolga em jogos de basquete. Amo o jeito como você é carinhoso com seus avós, amo o jeito como você trata seus irmãos, sua mãe, seu pai... Amo sua simpatia, seu carinho, sua humildade... Amo quando você me abraça por trás. Por mais que eu reclame, eu também amo quando você me levanta no ar e me joga na piscina. Amo o jeito que você canta pra mim dormir. Amo você. De todos os jeitos ou maneiras possíveis. Amo você de manhã, de tarde e de noite. Amo você quando está com sono, elétrico, com fome ou até mesmo irritado. Amo o jeito como seus olhos brilham quando você fala do Canadá, amo tudo em você. E agora, eu não sei se alguém te contou, mas sim, eu doei meu coração pra você... - Meus olhos se encheram de lágrimas. Ela não podia fazer isso comigo. Quer dizer, foi um ato lindo, porém... Inesperado. - Eu não iria suportar perder outro alguém especial na minha vida. E pode dizer que foi esgoísmo meu pensar só em mim, não pensar no sofrimento que eu iria causar nos outros com a minha morte.  E bom, do jeito que eu te conheço você deve estar se sentindo culpado e pensando em se matar também... - Lágrimas começaram a cair e manchar o papel branco onde havia uma carta escrita a mão, com caneta de tintroxa, minha favorita. - Mas pensa só nos seus fãs, pensa em 10 milhões de garotas tristes porque o ídolo delas morreu. Talvez isso amenize as coisas. E ei, levanta essa cabeça e bola pra frente. Em hipótese alguma se sinta culpado por estar com o meu coração agora, afinal, de alguma maneira, ele sempre foi seu."



É , Eu também chorei!
Espero que tenham gostado!

E se quiserem eu posso postar mais fics que eu Leio 

Beijos .. Lari (: 

21 comentários:

  1. Chorei muitoo ....essa fic eeh muito triste

    ResponderExcluir
  2. OMG que fic linda...e triste, chorei muitoooo(parece exagero mas eu sou chorona rsrs)
    Posta mais fics que voce gosta!!

    ResponderExcluir
  3. Chorei...
    Muito linda, perfeita...

    Pota mais...

    by: @MahhCarduu

    ResponderExcluir
  4. aah chorei aqui. Maravilhosa.. /@jelenaforeverbr

    ResponderExcluir
  5. eu CHOREI aki muito lindo isso
    amei a carta isso mexeu muito comigo

    ResponderExcluir
  6. Nossa que lindo !!!
    Chorei aqui :((

    ResponderExcluir
  7. cara....nossa...nem sei oque dizer chorei litros lendo

    ResponderExcluir
  8. Oh shit! Eu estou chorando. Muito emocionante isso que eu acabei de ler, e... NOSSA! :'(
    Eu faria isso, por ele. Acho que qualquer pessoa faria isso por quem ama, então... Né!

    ResponderExcluir
  9. caraaa, como é possível uma pessoa chorar tanto???? sou mto sensível, ual, to chorando mto aqi, q lindo meu Deus, awnnnnnnnnn, meu deus, essas lágrimas teimosas q insistem em cair, arrgh! Own meu deus, final triste, mas ok néér. Parei pra pensar agr, se Justi sofresse um acidente desses, e precisasse de uma doação de coração, quantas beliebers n iriam lá pra dar os seus?? poiséé, ;/

    ResponderExcluir
  10. pffv, coloca mais fics q vc lêÊ.

    ResponderExcluir
  11. Olha eu aki d nvo! Chorando mto! Meu deus juro k se o Jubs sofresse um acidente e precizasse de um transplante eu daria o meu,por que por mais k mha familia fkasse triste eu saberia k Justin tem uma parte d mim dentro dle. E sei ke ele sempre seria grato a mim... @justin_mydivo by:Fernanda

    ResponderExcluir
  12. AI Meu DEUS eu vou motar um PRAIA aqui em casa eu to chorando Liquidos baldes piscinas ATOS Bons se algum dia alguem fizesse isso com migo EU MORRERIA do nada de tanta EMOÇÃO em saber que a pessoa que mas AMO nesse MUNDO me deu o seu CORAÇÃO em um ato de ESPERANÇA de os 2 ficarem JUNTOS com apenas um FELIZES para a SEMPRE

    ResponderExcluir
  13. Nossa , muito perfeita , porém triste ;'(

    ResponderExcluir
  14. Nossa A Mais Linda de todas nunca chorei com uma ib
    foi a primeira vez que choro por uma imagine sei q é fics mas parecia real e doeu Muito...

    ResponderExcluir
  15. O meu Deus, choreei aqui ! Perfeito !

    ResponderExcluir
  16. nus eu chorei demais,borrei ate meu rimel aki,,nus nao consigo parar de chorar,tipo é uma historia eu sei mais chorei demais <3ameii

    ResponderExcluir